Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



OS DOIS BILHETES

por Kok, em 29.08.09

A nossa mente é estranha!

É curiosa a forma como trabalha, umas vezes previsivelmente e outras nem tanto. Bem, pelo menos a minha é assim.
Há um mar de coisas de que não me recordo, logo são como que inexistentes para mim. Enquanto que outras as tenho presentes, umas mais acentuadas e outras menos.
E no entanto, basta uma pequena coisa, uma situação, um local ou até mesmo um ruído ou um odor para que, subitamente, me venha à memória uma recordação, mesmo daquelas de que já não tinha lembrança!
Vem isto a propósito de dois antigos bilhetes de cinema que encontrei no fundo de uma gaveta que hoje finalmente me decidi a arrumar/limpar. Já têm muitos anos os bilhetes. Comprei-os para mim a para uma amiga, que depois foi mais que amiga, para assistir-mos a um filme (já não me recordo nem do nome nem do conteúdo).
Dessa amiga recordo-me com clareza.
Dos cabelos negros.
Dos olhos castanhos, profundos, de pestanas longas e curvadas.
Dos lábios doces.
Das voz meiga, suave, como se fosse uma carícia…
Dos filmes que vimos, nem tanto. Mas ao encontrar estes bilhetes voltei a estar naquela sala de cinema, voltei a ver as luzes “morrendo” suavemente, a sala escurecendo e voltei a ter a mão dela na minha; voltei a sentir nos meus aqueles dedos macios com as unhas pintadas de vermelho-cereja e do cheiro do cabelo dela quando apoiou a cabeça no meu ombro, o esquerdo.
Entretanto, e porque as nossas referências se alteraram, perdemo-nos de vista. Quero crer que continue bonita e com o cabelo cheirando a flores, tal como então!
Os bilhetes?
Vou voltar a deixá-los na gaveta porque continuam a ter lugar na minha história de vida. Também para me avivarem a memória se tal voltar a ser necessário!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 02:15


8 comentários

De Kok a 16.09.2015 às 11:23

Pois é, o "teu link" mora aqui.
Fico contente e agradecido por teres gostado e também pelo carinhoso comentário. E, evidentemente, aparece quando puderes
Beijokas e s

§-quando escrevi este texto ainda não sabia como se fazem essas coisas das fotos (e mesmo agora...). foi por isso!

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisa

Pesquisar no Blog  

calendário

Agosto 2009

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031




Arquivos

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D